CETAM – Tomografia e Ressonância
Home | Blog | Como surgiu o Outubro Rosa

Como surgiu o Outubro Rosa

19 de Outubro de 2021

O movimento do Outubro Rosa começou nos Estados Unidos, vários estados tinham ações isoladas referente ao câncer de mama e mamografia no mês de outubro. O Congresso Americana aprovou então o mês de Outubro para se tornar o mês americano de prevenção de câncer de mama.

Na última década do século 20, o laço rosa foi lançado pela fundação Susan G. Komen for the Cure, e distribuido aos participantes da Primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York e desde então produzida anualmente. As  ações vem crescendo no mundo todo, como uma maneira de aumentar a conscientização de ações preventivas e o diagnóstico precoce do câncer de mama.

A campanha tem o intuito de levar informação falando abertamente sobre o câncer de mama, mesmo sendo um tema difícil, pois o medo e a desinformação pode levar a um atraso do diagnóstico impactando assim no tratamento. Todas as mulheres, independente da idade, podem conhecer seu corpo para saber o que é normal e o que não é normal em suas mamas, pois a maior parte dos casos de câncer de mama é descoberto pelas próprias mulheres.

Além de estarem atentas ao seu próprio corpo as mulheres devem realizar o exame de mamografia de rastreamento para detecção precoce, que é recomendada para mulheres entre 40 a 69 anos, anualmente pela Sociedade Brasileira de Mastologia.

O auto exame é muito importante, porém não é suficiente, visite seu médico anualmente para realizar o exame clínico e de rastreio.

Michelle Paiva Zambiasi

Técnica em Radiologia Médica.

Fisioterapeuta - Faculdades Integradas Einstein

Especialização em UTI Adulto e Infantil - Uniararas

Aperfeiçoamento em neonatal - Uniararas

Especialização em Oncologia - Bioonco

Fisioterapeuta na Rede Feminina de Combate ao Câncer de Santa Barbara D'oeste.

Referências:

http://www.outubrorosa.org.br/historia.htm. Acesso em 06/10/2021

https://sbmastologia.com.br/sociedades-medicas-brasileiras-recomendam-mamografia-anual-a-partir-dos-40-anos/. Acesso em 06/10/2021.

Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Câncer de mama: vamos falar sobre isso?. 6ª edição. Rio de Janeiro. 2021.


VOLTAR
© 2022 CETAM Diagnóstico por Imagem
- Todos os direitos Reservados
Desenvolvido por AOX DIGITAL
19 3475.3111